Serviços

Implantes dentários de última geração faz o nosso sucesso!

 


Ação terapêutica: efeito analgésico e anti-inflamatório.

A reparação tecidual ocorre normalmente em menos tempo e estimula a formação óssea.

A laser terapia tem indicação primordial em todas as fases da implantodontia: promove efeitos analgésicos e anti-inflamatório.

A reparação tecidual ocorre normamente em menos tempo e estimula a formação óssea, fatos observados clinica e histologicamente.

Com a irradiação do laser imediatamente à cirurgia promove- se uma bioestimulação tecidual aumentando e facilitando a cicatrização e neoformação óssea ao redor dos implantes, reduzindo assim de 30 a 40% o período para a colocação do dente sobre o implante.

Podemos em muitos casos substituir a medicação sistêmica analgésica e anti-inflamatória pela laser terapia principalmente em pessoas incompatibilidade com às drogas.

Método onde a perfuração óssea e o seu preparo para receber o implante dentário de titânio é realizado com PIEZOCIRURGIA.

Nesta técnica utiliza-se o ultrassom de alta potencia que ao executar a perfuração, minimiza no osso o aquecimento, evitando a desnaturação da proteína óssea, fator primordial para o sucesso da integração do implante de titânio no osso, nos dias que se seguem a implantação.

Muitos dos casos que se apresentam para a colocação de implantes dentários no maxilar superiro e mandíbula, na clinica diária são desprovidos de altura e espessura óssea para a fixação dos implantes dentários endo-ósseos.

Nessas circunstancia utiliza- se de técnicas para o preenchimento das áreas com pouca quantidade e qualidade óssea, denominadas enxertos ósseos. Eles podem ser executados de varias maneiras, o mais comum e eficiente é o enxerto ósseo autógeno, onde se remove o osso do próprio paciente.

Outro tipo de enxerto ósseo muito eficiente é o enxerto ósseo guiado que consiste do aprisionamento de sangue dentro da loja cirúrgica, protegendo- a com membranas que podem ser reabsorvivel ou não reabsorvivel. Uma terceira opção são os enxertos ósseos obtidos de bancos de ossos. Ainda temos os enxertos ósseos feitos com aglomerados de minerais, as Hidroxiapatitas e outros.

Nossa clinica conta com critérios de rigorosos no processo de esterilização, onde o monitoramos para assegurar sua eficácia é uma constante.

Visamos basicamente duas formas: o monitoramento químico e biológico.

Existem seis tipos de indicadores químicos. No monitoramento químico nos preocupamos com os indicadores químicos que avaliam se o ciclo de esterilização foi realizado pela mudança de cor na presença da temperatura etc.

O monitoramento biológico é o tipo mais seguro, pois nele podemos ter a certeza de que o material está estéril e pode ser utilizado: pelos vários controles, tais como tiras de papel que mudam de cor etc.

A esterilização é feita basicamente pelo sistema de calor úmido (autoclaves) químicas e ionizadores de ar para o ambiente clinico, além de todo aparato pessoal, como luvas, avental e mascaras.